quarta-feira, 1 de julho de 2015

O médico e deputado estadual Dr. Jenilson Leite (PCdoB) participa de reunião cientifica para discutir o uso do medicamento SUFOSBUVIR no tratamento do vírus da Hepatite C.


O deputado estadual Dr. Jenilson Leite (PCdoB) participou na segunda-feira, 30/06, da reunião cientifica da GILEAD para profissionais de saúde com especialidade na área de infectologia, em Rio Branco. O parlamentar é médico com especialidade na área de infectologia. 

O tema do encontro foi TRANSFORMANDO O TRATAMENTO DE HEPATITE C- com o uso de SUFOSBUVIR na prática clinica. 



O sufosbuvir eleva as chances de cura dos pacientes infectados com o vírus da hepatite em até noventa por cento. Seu uso no tratamento é mais eficaz e as reações adversas são menores que as do 
INTERFERON e RIBAVIRINA – devido a droga licita ser muito forte alguns pacientes abonava o tratamento por não resistir seu uso. 


Sofosbuvir (nomes comerciais: Sovaldi e Virunon) é um fármaco utilizado em casos de hepatite C crônica. Foi eleito pela Revista Forbes como medicamento mais importante aprovado no ano de 2013.


O Acre tem o maior índice de pessoas infectadas com o vírus da hepatites C da região Norte do País. Já em Tarauacá, cidade do interior do Estado, dez por cento da população está infectada com o vírus da hepatite B. A população de Tarauacá é estimada em 37 mil habitantes segundo o IBGE. 

“Este novo medicamento faz ressurgir as esperanças de muitos portadores do vírus que tinha abandonado o tratamento por não resistir o Interferon e Ribavirina de reiniciar novamente. Podendo, inclusive, vir ser curado”, destaca o deputado. 

                                                            foto: Jardy Lopes

O SUS ( sistema único de saúde ) até o final de 2015 deve oferecer o tratamento a milhares de portadores do vírus com o uso do sufosbuvir. 

A Gilead Sciences é uma empresa biofarmacêutica que investiga, desenvolve e comercializa terapêuticas inovadoras em áreas da medicina com maior necessidade. A missão da empresa é de proporcionar tratamento aos doentes com doenças potencialmente fatais, em todo o mundo.

A reunião foi realizada no auditório do SAE, sendo palestrantes os professores Doutores : Thor Dantas, David Urbaez e Rodrigo Sebba.

Por Leandro Matthaus 

Nenhum comentário:

Postar um comentário